imagem do corona vírus
Se apresentar sintomas leves de gripe como: tosse, coriza, dor de cabeça, ligue: 0800 647 5225

Bairro Cidade do Lobo


O bairro Cidade do Lobo é mais um dos bairros que surgiu com a intensificação do movimento migratório para Porto Velho na década de 1980, possibilitada pela pavimentação da BR-364 (trecho entre Cuiabá – MT e Porto Velho) e pelas propagandas governamentais que anunciavam um novo eldorado. Rondônia, que acabara de sair da condição de território e passava a ser um estado, era uma das regiões mais promissoras em termos de crescimento econômico.
Com isso, diversos migrantes, principalmente provenientes de regiões do centro-sul brasileiro, bem como famílias vindas do interior do Estado, assentaram-se em Porto Velho, ocupando áreas desabitadas, devolutas ou de propriedade privada, o que causaram inúmeros conflitos de posse de terra.
João Leal Lobo era proprietário de muitas terras e, em sua juventude, foi líder estudantil da União Rondoniense dos Estudantes Secundaristas. Em 1982, candidatou-se a vereador do município.
Em 2011, o programa de usucapião denominado Usocampeão contemplou os moradores do bairro com a posse de terrenos para quem ali reside há, pelo menos, cinco anos, sem processo de proprietários.
Cabe destacar que o bairro é berço do grupo folclórico da quadrilha Mocidade Junina, criada em 2006, que atrai apreciadores de diversas partes da cidade para os ensaios de suas danças.

Resumo do livro: Os Bairros na História de Porto Velho

Autora: Yêdda Pinheiro Borzacov

Criado pela Lei n° 840/1989 - acesse clicando aqui

Para baixar o mapa em formato PDF clique aqui


logotipo da prefeitura de porto velho logotipo da prefeitura de porto velho