imagem do corona vírus
Se apresentar sintomas leves de gripe como: tosse, coriza, dor de cabeça, ligue: 0800 647 5225

Bairro Flodoaldo Pontes Pinto

O bairro homenageia um migrante que veio com sua família do estado do Pará à Porto Velho na década de 1950. Flodoaldo Pontes Pinto conquistou um vasto círculo de amizades na capital do Território Federal do Guaporé, atuando como seringalista e industrialista em diversos empreendimentos locais. Dadas as dificuldades de acesso à região, bem como os desafios de se morar em uma cidade amazônica, apenas aqueles dotados de muita disposição para o trabalho ficavam, como era o caso de Flodoaldo, um homem de muitos sacrifícios para atingir seus objetivos.
Quando Rondônia caminhava para o se transformar em um Estado, a região recebeu um loteamento denominado Marechal Rondon, em atendimento ao programa habitacional PROMORAR. As ruas foram do loteamento foram batizadas com nomes de minerais diversos, tais como: Cassiterita, Calcário, Ouro, Platina, entre outras.
O bairro é delimitado pelos bairros Aponiã, Rio Madeira, Igarapé, Agenor de Carvalho e Embratel, estando totalmente implantado na Zona Leste da cidade. Dentre os principais empreendimentos destaca-se Porto Velho Shopping e Parque da Cidade. Sua criação foi estabelecida através da Lei Municipal nº 312/1984.
Como destaques, o bairro abriga o Campus Calama do Instituto Federal de Rondônia, o Porto Velho Shopping, o Parque da Cidade e a Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Dr. José Otino de Freitas, que homenageia um dos pioneiros profissionais da engenharia e arquitetura a residir em Porto Velho.

Resumo do livro: Os Bairros na História de Porto Velho

Autora: Yêdda Pinheiro Borzacov

Criado pela Lei n° 840/1989 - acesse clicando aqui

Para baixar o mapa em formato PDF clique aqui


logotipo da prefeitura de porto velho logotipo da prefeitura de porto velho