imagem do corona vírus
Se apresentar sintomas leves de gripe como: tosse, coriza, dor de cabeça, ligue: 0800 647 5225

Bairro Socialista

A Zona Leste se tornou campeã em ocupações na cidade de Porto Velho. Os precursores sem teto ocupam desordenadamente mais uma área da cidade e os primeiros construíram barracos e os segundos, chácaras em áreas amplas. Estreitos caminhos foram abertos em terras pertencentes à União, transformando a paisagem onde imperava uma verde da mata, dando início a formação do bairro que chamado o nome Socialista.
Limitado pelos bairros Jardim Santana, Pantanal, Tiradentes, Tancredo Neves, São Francisco e Juscelino Kubitscheck, o bairro Socialista criado por meio da Lei n°1355 de 1999 é instituído por 51 vias públicas.
Na área cultural, o bairro está ligado ao folguedo da quadrilha Matutos do Socialista e a instituição Abadá Capoeira que incentiva e divulga a prática da arte introduzida no Brasil-Colônia pelos escravos oriundos do continente africano. Esta entidade promove festival da arte capoeira, na Associação São Tiago Maior, cursos e seminários, englobando aspectos culturais, esportivos, artísticos e marciais.
Dentre os principais pontos de referência do bairro destaca-se a Associação São Tiago Maior, em seu espaço ocorrem atividades esportivas e culturais e a Escola Municipal de Ensino Fundamental Francisco Negreiros, que oferece uma sala para atendimento personalizado às crianças especiais e a Escola Municipal de Educação Infantil Jesus de Nazaré.

Resumo do livro: Os Bairros na História de Porto Velho

Autora: Yêdda Pinheiro Borzacov

Criado pela Lei n° 1.355/1999 - acesse clicando aqui

Não possui informações sobre população deste bairro no IBGE

Para baixar o mapa em formato PDF clique aqui


logotipo da prefeitura de porto velho logotipo da prefeitura de porto velho